fbpx
fundo parallax

Modelo de post

Como tracionar corretamente
março 22, 2017
Cuidados na hora de instalar o engate no seu veículo
julho 10, 2018

Modelo de post


Como tracionar reboque ou carretinha corretamente


Após adquirir um engate homologado pelo Inmetro, fazer a instalação correta em uma oficina mecânica especializada e registrar a carretilha ou reboque no Detran, agora é só engatar, encher de mala e “botar o pé na estrada”. Correto? Ainda não!
Antes de sair puxando a carga, independente se são malas, uma moto, barco e até animais, como cavalos, é preciso ficar atento às orientações para o engate e tracionamento correto da carreta. E, assim, ter uma viagem segura e livre de qualquer penalização.

Engate a carreta/reboque

Para encaixar a carreta ou reboque no engate, as duas partes devem estar em um terreno nivelado. A munheca (parte do reboque que é presa no engate) não pode ficar folgada após ser engatada e a cupilha (grampo que prende a bola do engate na estrutura) bem fixado.
Não se esquecer de prender a corrente de segurança, que será ser instalada no automóvel/reboque, e nem de confirmar se a tomada de conexão está devidamente plugada. Recomenda-se também calibrar os pneus e rodas e reapertar o conjunto de parafusos a cada mil quilômetros rodados.

Tracionando a carreta/reboque

Após a checagem, está na hora de carregar sua carreta ou reboque e, aí sim, “botar o pé na estrada”. O peso bruto total que um motorista com Carteira Nacional de Habilitação (CNH) B, voltada para veículos de passeio, pode levar é 3,5 mil quilos – somando o peso do carro, carreta e carga. A recomendação é que o peso da carga no engate não ultrapasse 50 quilos.
Na hora de carregar a carreta, é preciso distribuir o peso, concentrado a maior parte dele na área central. Isso porque, o excesso ou a má distribuição do peso prejudica a potência do veículo e pode super aquecer o motor devido a aceleração forçada. Além de reduzir a estabilidade e compromete o controle da direção, podendo causar acidentes. Na estrada, quando estiver rebocando uma carga, não se deve ultrapassar a velocidade de 80 quilômetros por horas, é preciso manter uma distância de segurança ao carro da frente maior que o habitual e evitar tanto paradas quanto arrancadas bruscas com o veículo.
Além de ter cuidado na hora de mudar de faixa e fazer curvas mais abertas, evitando que a carreta tombe. Não se esqueça de consultar o manual do automóvel para verificar se há alguma manutenção específica ao seu modelo de veículo recomendada pelo fabricante.

essay writing service
essays online
essay help
writing help
do my essay